Bolsonaro se prepara para sancionar perdão de R$ 1 bi em dívidas de igrejas

Bolsonaro com Davi e R.R. Soares (Arquivo)

Presidente deve sancionar nesta semana projeto articulado com Davi Soares, filho do “missionário” R.R. Soares, que acumula R$ 144 milhões em multas – terceira maior dívida na lista de devedores da União

Revista Fórum – Até a próxima sexta-feira (11), Jair Bolsonaro deve consolidar sua ligação com igrejas e templos evangélicos com a sanção do Projeto de Lei do deputado federal David Soares (DEM-SP), filho do missionário R.R. Soares, líder da Igreja Internacional da Graça de Deus, que prevê o perdão de cerca de R$ 1 bilhão em dívidas previdenciárias e tributárias, com a anulação de multas aplicadas pelo não pagamento de contribuições que incidem sobre a remuneração de pastores e líderes.

A arquitetura do projeto aconteceu em abril no Palácio do Planalto, durante reunião de Bolsonaro com Davi Soares e o secretário especial da Receita Federal, José Barroso Tostes Neto. Na ocasião, Bolsonaro ordenou à equipe econômica para “resolver o assunto”, em relação às dívidas tributárias das igrejas com o fisco.

Só a Igreja Internacional da Graça de Deus acumula R$ 144 milhões em débitos inscritos na Dívida Ativa da União – terceira maior dívida numa lista de devedores que somam passivo de R$ 1,6 bilhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *