Trump autoriza transição de governo 16 dias após vitória de Biden

Presidente dos Estados Unidos, no entanto, diz que continuará lutando para reverter o resultado

Donald Trump: transição, enfim, autorizada. Imagem: Reprodução

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deu na noite desta segunda-feira 23 o primeiro passo para iniciar a transição de governo para o sucessor, Joe Biden.

Depois de 16 dias do resultado oficial consagrando o democrata, Trump escreveu no Twitter que autorizou a Administração de Serviços Gerais (GSA, na sigla em inglês) a iniciar a transição.

“Quero agradecer a Emily Murphy da GSA por sua dedicação e lealdade ao nosso país. Ela foi assediada, ameaçada e abusada. Não quero que isso aconteça com ela, com a família dela ou com funcionários da GSA”, afirmou no tuíte.

“Nosso caso continua, manteremos a boa luta, e acredito que vamos vencer. De todo jeito, pelo melhor do nosso país, estou recomendando que Emily e sua equipe façam o que precisa ser feito com relação aos protocolos, e disse à minha equipe para fazer o mesmo”, prosseguiu. 

A partir de agora, a GSA vai assinar a liberação de recursos para o pagamento dos novos funcionários do governo, assim como dar acesso à burocracia estatal. O repasse inicial é estimado em cerca de 10 milhões de dólares, quase 53 milhões de reais.

Nas últimas semanas, Biden e sua equipe deram diversas entrevistas sobre o atraso na transição. Segundo os democratas, a demora está colocando em risco a segurança nacional.

Por Veja

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *